Mais um caso chocante com “o melhor amigo do homem” em Portugal! É triste ainda acontecer isto!

Casal mantinha os seus cães com as patas amarradas para não se mexerem!

Um casal de meia-idade de Mértola mantinha dois cães em deploráveis condições de saúde. Os animais foram encontrados com as patas dianteiras acorrentadas às patas traseiras, com uma corda, a fim de não lhes permitir mobilidade.

O caso foi descoberto esta quarta-feira pela GNR de Almodôvar, na sequência de um patrulhamento. “Os militares do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente foram alertados pelos latidos de sofrimento dos cães”, disse, ao JN, fonte da GNR.

maus_tratos_animais

Os cães encontravam-se num espaço repleto de dejetos. Tinham problemas de pele, pelo e feridas causadas pela forma como estavam presos, com a pata dianteira acorrentada à pata traseira, através de uma corda, a fim de não lhes permitir mobilidade.

A GNR requereu a presença de um veterinário municipal, tendo sido apreendido um dos cães, aquele que se apresentava em piores condições, e entregue no canil municipal.

O outro ficou com os donos, mas, segundo a GNR, “continuará a ser alvo de acompanhamento”.

O casal vai responder por crime de maus tratos a animais.

Fonte: jn.pt

Segue a nossa página de facebook:


2 thoughts on “Mais um caso chocante com “o melhor amigo do homem” em Portugal! É triste ainda acontecer isto!

  1. Na Marinha Grande encontra-se um mais ou menos não mesma condições, só que não está acorrentado, mas é um cão de grande porte, num sitio muito pequeno, o que também tem feridas nas patas, perto das finanças de Marinha Grande.

  2. Em Vila Nova do Coito Álmoster há um senhor conhecido pelo cigano de alcunha que tem 4 cães amarrados na rua chouva ou faça calôr,as pessoas é que lhe pôem agua e comer que ele pouco lhes liga,os animais estão ali a sofrer muito,os cães estão retirados uns dos outros 50 metros.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *