Quem cuida de idosos em casa vai ter direito a benefícios no trabalho! Vê quais são!

O Governo prepara um novo estatuto laboral para as pessoas que cuidarem de idosos em casa, de forma a incentivar que os idosos fiquem junto da família o máximo de tempo possível. O estatuto de “cuidador informal” possibilitará acesso a horários de trabalho flexíveis e outros apoios.

Como explicou esta segunda-feira à TSF Manuel Lopes, Coordenador da Reforma do Serviço Nacional de Saúde na Área dos Cuidados Continuados Integrados, um familiar que cuide de um idoso dependente terá direito não só a horários flexíveis, mas também a certos benefícios fiscais.

ageing OTHER 79798798

Para Manuel Lopes, a reforma no sistema seria muito semelhante a alguns dos benefícios que já existem para quem cuida de crianças. “Nós criámos um sistema de apoio que flexibiliza o horário dos pais e conseguimos apoio; aqui o fenómeno é idêntico, até porque a sociedade portuguesa está cada vez mais envelhecida”, explicou.

À rádio TSF, porém, o presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP), João Vieira Lopes, manifestou alguma preocupação relativamente com este estatuto de “cuidador informal”. Porque a maior parte das empresas em Portugal são pequenas e médias, dificultando a flexibilização de horários por não existirem funcionários suficientes para compensar as ausência.

Mas João Vieira Lopes disse compreender a urgência de encontrar uma solução para as famílias nestas circunstâncias, já tendo sido notado que muitos trabalhadores têm dificuldade em cuidar dos seus idosos. O Ministério da Saúde estima que mais de 48 mil portugueses idosos estejam em casa, dependentes.

responsável do Ministério da Saúde Manuel Lopes sublinha que está comprovado que ficar em casa junto da família durante o máximo tempo possível, desde que receba os cuidados adequados, é a melhor opção para um idoso, garantido maior qualidade de vida e sendo simultaneamente menos dispendioso para o Estado.

Fonte: dn.pt

Segue a nossa página de facebook:



Vais Gostar de Ver

16 thoughts on “Quem cuida de idosos em casa vai ter direito a benefícios no trabalho! Vê quais são!

  1. Nada mais justo e reconfortante para um idoso do que passar os seus dias junto dos seus filhos e netos (desde que todas as partes tenham condições para tal)´

  2. Qual o beneficio do governo para as mulheres que desistiram de umqa carreira profissional para cuidar dos filhos até um ponto em que não puderam retomar essa carreira para tratar dos seus idosos, qual é o beneficio ? redução radical da potencial reforma porque não tem tempo de desconto suficiente, quando não as insultam dizendo que escolheram a vida cómoda de cuidar da familia numerosa porque não tinham possibilidade de pagar a empregados para o fazer.

    A frontalidade é compreender a globalidade dos problemas e não só umas zonas mais ou menos lustrosas para ganhar votos, se querem ser modernos humanizados e sociais analisem a realidade completa.

  3. Eu sou funcionaria publica e estou a tomar conta do meu pai com 85 anos e tenho tido muita dificuldade em ter o horario fixo por falta de pessoal e nao existir um estatuto que nos permita olhar por idosos dizem que a lei so permite 15 dias por ano gostaria que me avizassem quando esses beneficios forem aprovados!

    1. Não existe nada que nos possa valer!
      Estava na mesma situação que a Cidália Moura e encontro-me agora com um processo disciplinar por faltas não justificadas.

  4. Foi-me negado a continuação de licença sem vencimento,para estar em casa a cuidar da minha mãe acamada com 93 anos.Recebi agora uma carta do meu posto de trabalho ,(SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DO SOBRAL DE MONTE AGRAÇO) com um Processo Disciplinar por causa de faltas não justificadas.E assim conseguem despedir-me com justa causa,saindo eu sem direito sequer ao fundo de desemprego.
    Não venham com tretas porque NÃO HÁ LEIS QUE NOS POSSAM PROTEGER PARA CUIDAR DOS NOSSOS IDOSOS!!!!!!!!

  5. vamos ver tomo conta do meu pai que tem 94 anos totalmente dependente usa fraldas a comida toda triturada com calcanheiras nos pés por ter uma ampola comprei um colchão anti escaras não tem grande comunicação comigo vezes conhece-me vezes não e fiz requerimento para dependencia 2º grau e foi indeferido Aí está minha primeira ajuda

  6. Tenho 62 anos de idade,sou desempregado de longa duração,vivo em casa da minha Mae,não tenho direito ao subsídio de inserção social porque a reforma da minha Mãe que tem 81 anos de idade é de 598€ mês,infelizmente a mesma se encontra doente porque foi operada ao Coração e precisa que eu cuide dela.Pengunto..não tenho direito a um subsídio por parte da Segurança Social em virtude de estar a cuidar dela?

  7. Eu tive mesmo que me despedir do meu trabalho. Isto depois de estar uns meses de baixa. Não recebo nada por estar a tomar conta da minha mãe. O que posso fazer? Agradeço ajuda. Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *