O que vês nesta imagem? Apenas uma parede? É muito mais que isso! Quando vires melhor…

Pode parecer apenas uma parede, mas quando vires mais de perto vais ficar impressionado.

Alexandre Farto, mais conhecido como Vhils, tem 29 anos e vive em Lisboa, Portugal. Ele era mais um jovem que começou a fazer grafittis nas paredes, até que descobriu outra arte…

parede_arte_1

A técnica que notabilizou Vhils consiste em criar imagens, em paredes ou murais, através da remoção de camadas de materiais de construção, criando uma imagem em negativo.

O artista reverte deliberadamente a noção de vandalismo, no sentido em que cria algo de novo através de uma destruição propositada.

parede_arte_2

parede_arte_3

parede_arte_4

parede_arte_5

Ele destrói para criar, remove camadas e expõe as entranhas da cidade mas, ao mesmo tempo, humaniza-a, através dos rostos que escava nas paredes. “Gosto de valorizar o que já foi descartado e de trabalhar com materiais rejeitados, de reaproveitar e reutilizar sobras”, explica.

parede_arte_6

parede_arte_7

parede_arte_8

parede_arte_9

parede_arte_10

Além das paredes, ele já aplicou a mesma técnica em madeira, metal e papel, nomeadamente em cartazes que se vão acumulando nos muros das cidades.

parede_arte_11

Assiste, em seguida, ao vídeo que mostra Alexandre Farto num momento de pura criação.

Este artista tem murais em mais de 50 cidades espalhadas pelo mundo (Berlim, Rio de Janeiro, Tóquio, Londres, etc.)! Para saber mais sobre o trabalho dele, visite o seu site ou a sua página de Facebook.


Artigos Relacionados:

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.