As 10 melhores “curas” para a ressaca!

Quais são as melhores e mais eficazes técnicas para “curar” a ressaca? Esta é uma pergunta que muita gente gostava de saber a resposta. Pessoas que já lidam com a ressaca há algum tempo, já desenvolveu as suas próprias técnicas, mas estas não dão resultado para toda gente.
Confere aqui as 10 melhores técnicas para curar a ressaca.

 

1 – Hidratação

cocacola
O principal motivo da ressaca é a desidratação excessiva do corpo causada pela ingestão de álcool.
Por isso, no dia seguinte o teu corpo está sedento por hidratação nada mais simples do que beberes líquidos, muitos: agua, sumo, chá, refrigerantes.
Cerveja não conta.

2 – Fast-Food

fastfood
Não há nenhum estudo científico a prová-lo, mas é mundial conhecido o poder de uma boa dose de fast-food num dia de grande ressaca.

3 – Duche frio

duche_frio
Não tem nenhuma base científica, mas um duche rápido vai, de certeza, ajudar-te a acordar e reavivar ideias.

4 – Vitamina C

vitamina_c
Está provado a vitamina C acelera a capacidade do teu corpo processar o álcool que consumiste, aumenta a velocidade do teu metabolismo e, ainda, te hidrata.

5 – Espargos

espargos
Diz um estudo que os espargos trabalham para reverter os efeitos negativos do álcool no teu corpo.

6 – Dormir

dormir
Não é preciso ser um génio para saber que dormir só te pode fazer bem. É durante o sono que o teu corpo se “reorganiza” e faz o balanço de tudo o que andaste a fazer na noite anterior.

7 – Cafeína

cafe
O café é um estimulante, por isso vai claro ajudar-te a acordar e fazer com que o teu corpo comece a reagir mais rapidamente.

8 – Ovos

ovos
Parece que os ovos contêm uma substância que combate os químicos produzidos pelo teu corpo enquanto estás a beber. Alivia a sensação de desconforto e acelera todo o processo de recuperação.

9 – Batidos

batidos
são um autêntico cocktail de vitaminas e para além disso, hidratam e por serem líquidos também são de fácil digestão.

10 – Não beber

bebidas
Esta é infalível, mas não é fácil resistir para alguns!


Artigos Relacionados:

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.