7 Sinais de alerta de que o teu coração não está a trabalhar como devia!

Se tem algum destes 7 sinais é porque o seu coração não está a funcionar  como deveria. Tome nota, mas nunca se esqueça que se notar qualquer alteração ou sintoma estranho, o melhor é procurar um especialista para verificar se o seu coração está bem, assim como para receber um diagnóstico adequado e descartar possíveis problemas graves.

Quando se trata de saúde, o órgão mais importante e o que mais nos preocupa é o coração, o motor encarregado de nos manter vivos. Cuidar do coração é mais fácil do que muitos talvez imaginem. No entanto, os problemas cardíacos tornaram se cada vez mais comuns e frequentes, devido aos maus hábitos que, apesar de serem muito agradáveis, atentam contra a nossa saúde.

Os problemas no coração não costumam aparecer da noite para o dia. Em geral, são o resultado de más práticas alimentares, hábitos pouco saudáveis, e de não darmos importância aos sinais. Uma vez que os sintomas surgem, é preciso procurar um médico especialista.

Algumas das razões, que levam ao mau funcionamento do seu coração são:

  • Má alimentação
  • Falta de exercício
  • Tabagismo
  • Falta de descanso

7 sinais a ter em conta:

  • 1. A dor no peito ou angina

 

As dores no peito podem ser decorrentes de diferentes problemas de saúde. Porém, deve prestar muita atenção se elas se tornarem intensas e causarem uma sensação de peso e contração.

Quando a dor no peito é causada por um problema cardíaco, o coração está a receber o sangue com pouca quantidade de oxigênio.

  • 2. Arritmias

Os batimentos do coração têm uma temporalidade bem regular. O normal é que não os notemos quando são adequados.

Se notar que seus batimentos estão muito rápidos, muito lentos ou com mudanças irregulares, procure um médico porque claramente seu coração não está a trabalhar como deveria.

  • 3. Apneia do sono

Às vezes deixamos passar, mas a apneia do sono pode ser um sintoma de que o seu coração não está trabalhar correctamente.

Este problema gera uma obstrução das vias respiratórias durante o sono e pode causar infartes, uma vez que não chega oxigênio suficiente ao cérebro e ao coração. Alias,  se sofre de apneia do sono há pouco tempo, deve ter cuidado pois pode afetar a sua qualidade de sono e do seu parceiro também.

  • 4. Pernas e pés inchados

 

Consome muito sal? Caminhou mais do que deveria nestes últimos dias? Em quaisquer destes casos é comum que as pernas e os pés inchem, mas em poucos dias eles voltam ao seu estado habitual. No entanto, deverá ter cuidado para que o inchaço não seja constante, pois neste caso pode ser sintoma de uma retenção de líquidos causada por insuficiência cardíaca ou um problema arterial.

  • 5. Agitação e falta de ar

Não é normal sentir uma falta de ar constantemente, nem se sentir cansado e sem ar com muita frequência. Se isso acontece sem motivo aparente, deverá oconsultar um médico especialista, de forma a perceber se está tudo bem com o seu coração. É tambem importante avaliar os seus hábitos. Se mudou de costumes ou adicionou uma atividade física à sua rotina nos últimos dias, esta falta de ar pode ser normal.

  • 6. Disfunção se x ual

Um dos primeiros sinais que alertam sobre uma possível doença cardíaca é a disfunção erétil, principalmente se ocorre em pacientes entre a faixa etaria dos 40 aos 50 anos.

Caso tenha outro problema ou seja uma pessoa mais velha, é importante procurar um médico de confiança. Juntos poderão determinar se a disfunção sexual tem a ver com o funcionamento do seu coração ou com outra situação.

  • 7. A síndrome do coração partido

Esta síndrome é uma dor igual ou maior do que a causada por um infarte, mas trata se de um problema temporário que acontece, estranhamente, em pessoas saudáveis.

Esta síndrome foi detectada em pessoas sem antecedentes de colesterol, pressão alta, má alimentação ou sedentarismo.

Na síndrome do coração partido os pacientes, logo depois de uma alteração de humor profunda, aumentam a dose de catecolaminas, que são substâncias similares à adrenalina.

Este aumento repentino  deve-se ao fato de que, em estados altos de ansiedade e stresse, o organismo procura liberar substâncias que levam o corpo à normalidade. Por sorte, trata-se de um incómodo transitório que em 90% dos casos não causa danos permanentes.

Conselhos gerais para manter seu coração saudável

  • Procure levar um estilo de vida saudável com boa alimentação, exercício e um humor tranquilo.
  • Se notar algum sintoma estranho, não deixe de consultar um especialista. O nosso coração costuma dar muitos sinais e que não devemos ignorar.
  • Fique atento se os sintomas forem recorrentes; há muitos estudos médicos que podem detectar patologias de imediato.
  • Em algumas ocasiões, basta um exame de sangue para detectar anomalias no coração.

Artigos Relacionados:

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.